segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

A Banda

O texto que segue faz parte da exposição FOTO FALADA, cujo evento de lançamento foi realizado ontem, dia 29/01, no Galpão Estúdio.

Como dito no post anterior, o projeto, criado por Thiago Hazard e Sueliton Lima, consiste em uma exposição em que textos ilustram fotos - ou seriam fotos ilustrando textos?. 



Segue, portanto, um dos dois textos de minha autoria, que ficarão expostos no Galpão Estúdio por 1 mês. A foto, claro, é de Sueliton Lima.


A BANDA
Por Caio Lafayette



"Estava à toa na vida, o meu amor me chamou pra ver a banda passar 
cantando coisas de amor"



(Foto: Sueliton Lima)

Quando recebeu o convite se surpreendeu. Já havia desmarcado o cabelereiro e alugado DVD's pra assistir em casa. Não estava nos planos sair aquela noite. Mas foi convidada...

...e mesmo tentando disfarçar que era um convite comum, sua mãe percebeu a ansiedade durante todo o dia; seu pai não, mas ele não percebia essas coisas mesmo.


A arrumação se deu sem a necessidade de profissionais - ela mesma pintou as unhas, se maquiou e escolheu a roupa. Na troca de mensagens, a pergunta: 'onde vamos?'. A resposta rápida: 'ver a banda passar'.

Aquela resposta poderia ter um milhão de significados, mas vindo dele, e considerando que a cidade estava em tempo de festas tradicionais, provavelmente eles iam somente ver 'a banda passar'.

Às 20hrs ela estava lá, na praça central. Queria até ter atrasado um pouco - faz parte do charme. Mas estava lá - seria isso mais um sinal de ansiedade?

Ele não estava. E continuou não estando por bastante tempo. Não respondia mensagens, nem atendia o celular.

A banda surgiu. A banda tocou. A banda passou.

E a ela restou ver a banda falar de amor (sozinha), voltar pra casa (sozinha) e assistir seus DVD's (sozinha).



"Tudo tomou seu lugar depois que a banda passou. E cada qual no seu canto, em cada canto uma dor, depois da banda passar cantando coisas de amor."

Um comentário:

  1. Que lindo... ainda não tinha tido tempo de ler!
    E realmente, essa foto combina bem mais!

    Confesso: achei que ele só atrasaria! =/

    ResponderExcluir